Criando um closet de gente grande

Post em nov.26.2014 por em Decoração e Organização, Moda

Comecei a pensar numa transição do meu armário há algum tempo. Sempre tive cara de mais nova, mas as pessoas me olham espantadas quando digo que tenho 29 anos. Não que isso seja algo ruim, mas incomoda quando um cara de 20 e não de 30 e poucos resolve te paquerar! Sério, não é legal! rs

Apesar disso, já faz algum tempo que venho tentando mudar alguns dos meus hábitos de compra. Sempre fui do tipo jeans + camiseta, e acabei tendo uma bela coleção desse tipo de peça, basicamente era a elas que meu armário se resumia. E chega uma hora que o desespero bate, porque você quer algo mais arrumado e não tem, nisso, resolvi que era hora de dar uma boa arrumada e entender que eu já não era mais aquela garota de 20, e sim uma mulher de 30, com uma carreira e milhões de compromissos dos mais diferentes tipos, ou seja, não dá pra ir numa festa de jeans!

Closet de gente grande

Mas para que essa mudança aconteça, não basta fazer aquela arrumação no armário, doar o que não quer mais e guardar o que ainda quer, é preciso muito mais que isso! Em primeiro lugar, é preciso entender qual o seu estilo próprio, como você se vê e gostaria de se vestir. Uma boa maneira de começar a definir isso, é ter uma pasta de referências de looks, seja pela internet (oi Pinterest!) ou um mural, com isso, é possível ver uma linha clara do que você gosta, pois os looks acabam sempre tendo algo em comum, sejam em cores ou peças, e a partir daí, é entender o que fica melhor no seu tipo de corpo, ou seja, experimente!

Com isso feito, vem a parte divertida – ou não – que é esvaziar o armário! Sim, não é só tirar uma coisa ou outra, é esvaziar MESMO! Nisso, já vá separando em pilhas: ficar/doar/consertos/lixo. E sempre tenha em mente que agora é o momento da mudança, então doe aquilo que você já tem em uma quantidade mais exagerada. No meu caso, eu tinha umas 50 camisetas! Deixe o que você mais gosta e que te veste melhor, e claro, que ainda está boa para o uso!

Closet de gente grande

Outra coisa que gosto de fazer, é ir experimentando e criando novas possibilidades de looks, ajuda muito no dia-a-dia e você ainda pode fotografar. E nisso, com certeza mais peças irão para a pilha de doação, pois vale a pena seguir a regra de que uma peça deve combinar com pelo menos outras três! Com isso, você aumenta suas opções sem entulhar o guarda-roupa.

Nesse momento, a gente começa a sentir o que faz falta, seja uma peça de alfaiataria mais básica, um sapato nude ou mais blusas lisas. Então é o momento de criar uma lista de compras, assim nas próximas idas ao shopping você não vai desperdiçar tempo e dinheiro em peças que não precisa. Foque no que combina com você e com seu guarda-roupa. Claro que não precisa sair comprando, mas vale optar por peças de tecidos mais naturais e que tenham maior durabilidade, principalmente em clássicos, como um bom blazer preto.

Aos poucos você vai percebendo que o armário está repleto de combinações para diversos tipos de ocasião. No meu caso, foquei em não comprar camisetas e jeans, e passei a optar por saias, camisas, vestidos e bermudas, e sempre que possível, em tecidos melhores. E claro que você não precisa deixar o que amava de lado, amo jeans + camiseta e aprendi que um blazer, ou colar e salto alto, fazem toda a diferença!

Agora mãos a obra! Boa sorte!

Acompanhe o ShopaholicInstagram | Fanpage | Twitter

C&A e Água de Coco: verão o ano todo!

Post em nov.24.2014 por em Moda

A C&A não para, e ainda teremos mais uma parceria para esse ano: Água de Coco. Essa será a maior parceria já realizada, com o maior mix de produtos, que contará com feminino, masculino, infantil, acessórios e calçados.

C&A e Água de Coco

A coleção trás o DNA da marca, que é conhecida por ser chique e sensual, e também com suas famosas estampas inspiradas na natureza. As modelagens exclusivas com recortes e metais, são perfeitas para diversas ocasiões, sendo que biquínis e maiôs podem sair da praia e ir ao passeio com as amigas!

Para quem adora verão e praia, a coleção está cheia de opções que vão além do beachwear! Há vestidos longos, pantalonas, saias e kaftans para diversos momentos! Separei algumas coisas que gostei mais, e como sempre, sinto falta de maiôs e biquínis mais estruturados na parte de cima, seria incrível ver modelagens maiores e com boa sustentação.

C&A e Água de Coco: favoritos

 

Ao todo, sete estampas foram criadas – listra pincelada, palha panamá, floral com onça, coqueiral, girafa, palmeiras e listra paisagem – que aparecem em todas as peças, inclusive nos calçados. Uma das estampas que eu mais estava esperando, era a do Zé Carioca, que já é tradicional da marca, graças a parceria de longa data, porém, ela só veio em uma única peça infantil para meninas. Uma pena!

Foram poucas as peças favoritas, até pelo fato de eu pouco ir à praia, porém gostei muito do kaftan para um pós praia, da bermuda alfaiataria (não sei o tecido) e do colar longo.

A coleção estará disponível em lojas selecionadas no dia 2 de dezembro, com peças que variam entre R$ 39,90 (biquínis) e R$ 199,90 (saídas de banho).

Acompanhe o ShopaholicInstagram | Fanpage | Twitter

Comprando na Rede Natura

Post em nov.18.2014 por em Guia de Compras

Para quem não sabe, a Natura agora possui uma loja virtual, a Rede Natura. Mas antes que você imagine que seja como todas as outras, vou explicar o porque ela é tão incrível!

Todo mundo sabe que o conceito da Natura é vender através de suas revendedoras, e isso não poderia ser deixado de lado mesmo se tratando de uma loja virtual, nesse caso, as revendedoras são virtuais, e por isso se sua revendedora do coração tem cadastro no site, você vai poder continuar comprando com ela da mesma maneira, interessante não? Achei muito incrível essa preocupação toda, afinal, muitas tem carreiras bem sucedidas como revendedoras da Natura, e isso não poderia mudar!

Rede Natura: comprando batons

Além dos produtos que já conhecemos, também há uma curadoria com produtos de moda e casa, sempre visando o lado sustentável e criativo. Pude conhecer um pouco mais sobre durante um encontro realizado pela Natura, e também tive a oportunidade de comprar pelo site!

O processo é bem simples, primeiro você se cadastra e seleciona a sua revendedora, e aí é só sair comprando! Escolhi dois batons de longa duração da linha Una, que já estava de olho há tempo – Boca 60 e Rosa 62.

Rede Natura: comprando batons

Recebi o produto muito rápido, se não me engano uns 3 dias depois, bem antes da data enviada pelo site, o que foi incrível! Veio dentro de uma caixa grande, pois acredito que ainda não há de tamanhos variados. Achei que poderia vir melhor embalado, pois mesmo sendo entrega própria, tive a impressão de que se fosse algo mais frágil, poderia ter quebrado. Junto com a minha compra, também recebi amostras de Luna, o novo perfume da Natura!

Rede Natura: comprando batons

Estou apaixonada pelos batons que escolhi, cores maravilhosa, super duração, acho que logo volto para falar mais sobre! Por enquanto o site só atende São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, mas em breve estará atendendo todo o Brasil! Vale muito a pena, pois há ótimas promoções, sem contar na facilidade da compra e do prazo de entrega! Aprovado!

Acompanhe o ShopaholicInstagram | Fanpage | Twitter

Nike x Liberty: 10º edição

Post em nov.17.2014 por em Moda, Pessoal

E a parceria da Nike com a Liberty chega a sua 10º edição! Esse momento é importante e por isso, a Nike modernizou uma estampa vintage da Liberty, com um padrão geométrico, trazendo estampas de poás sobre o clássico floral, e que foi nomeada de Belmont Ivy.

Nike x Liberty

É bem interessante ver a estampa mais de perto, ela é inspirada no padrão entrelaçado da hera, e mostra uma referência sutil ao passado, pois as folhas da hera no tecido mostram marcas da cédula de uma libra britânica.

Essa coleção trás tênis modernos e tradicionais, e também uma coleção cápsula de vestuário. São dois tons – Belmont Ivy Black e Belmont Ivy Burgundy – sobrepostos pelos poás, e formando duas coleções distintas. Para a coleção em burgundy são 4 modelos de tênis: Blazer Mid; Air Max 1; Internationalist e Air Force 1 Hi. Já para o tom black, são 3, sendo que são modelos recentes femininos: Air Max 1 Mid; Internationalist Mid e Lunar Force 1 Sky Hi.

Nike x Liberty

Para a parte de vestuário, uma calça listrada em algodão macio e um casaco com capuz, foram repaginados, ganhando o mix de estampas, mas também há outras peças, como moletons e calça, sendo que os poás predominam e a estampa Belmont Ivy vem aplicada nos forros e na barra das peças.

Nike x Liberty: jaqueta favorita!

De todas as coleções Nike x Liberty, acredito que essa seja a minha favorita! Amei as cores e a padronagem, e a jaqueta em burgundy é de longe a minha peça mais desejada!

Os calçados chegam ao Brasil já na primeira quinzena de dezembro, na loja virtual, lojas Nike de Ipanema (RJ) e Morumbi (SP), além da Cartel 011 (SP), a de roupas demora um pouco mais, e chega com exclusividade na loja virtual e na Nike da Oscar Freire (SP), na terceira semana de dezembro! Ah, ainda não sabemos os preços!

Acompanhe o ShopaholicInstagram | Fanpage | Twitter

Cinema: Saint Laurent

Post em nov.12.2014 por em Cultura

E essa semana, mais uma cinebiografia de Yves Saint Laurent chega aos cinemas. O longa Saint Laurent, se concentra entre os anos de 1967 e 1976, no auge da carreira do estilista, mostrando as paixões de sua vida, como Jacques de Bascher e Pierre Bergé, que também era seu parceiro de negócios.

Cinema: Saint Laurent

Essa foi a época mais criativa de sua carreira, e por isso o filme conta com diversas cenas de desfile e do ateliê de costura. Apesar disso, achei que a cinebiografia, mais do que mostrar o talento e a criatividade de Yves, mostrou principalmente sua vida, o que ele fazia, amava e como vivia. São diversas as cenas nas boates que frenquetava na época, tudo regado a muito álcool, drogas e sexo.

Apesar de longo, o filme tem 2h30, ele passa rápido, tamanho o envolvimento que você sente com o filme! A história, por mais que seja uma cinebiografia, não é linear, ou seja, ela vai e volta no tempo, e inclui trechos não datados e também estabelece conexões com períodos históricos, como a revolução de maio de 1968.

É apaixonante entender como a mente dele e a vida funcionavam, como ele não abusava do álcool ou das pílulas apenas por ser famoso, que suas crises criativas não tinham nada a ver com isso, e que no fundo, uma coisa não causa a outra. Gostei de como a história conseguiu ser completa e ao mesmo tempo em que não tenta culpar os problemas de Yves com seus excessos.

Exibido no festival de Cannes, o filme foi escolhido para representar a França na disputa do Oscar de filme estrangeiro em 2015. Além disso, o diretor está sendo homenageado com mostra retrospectiva de sua filmografia no Pompidou em Paris.

Acompanhe o ShopaholicInstagram | Fanpage | Twitter